Ora Então Um Grande Bem Haja ... oprazerdainsolencia@sapo.pt
Segunda-feira, 26 de Setembro de 2005
katrina
olá, hoje venho falar do furacão katrina, sei que já o podia ter feito à mais tempo mas decidi esperar até saber o número total de mortos que é para não estar a enganar ninguem, acontece que quando falei do tsunami a quente referi que tinham morrido 60 mil gajos e às tantas fui a ver e já tinham morrido alguns 300 mil marmanjos só para me lixarem... agora não, desta vez esperei para ver que é para que ninguem me coma por trouxa, nada disso, senão qualquer dia vou na rua e as pessoas acusam-me de não saber quantos mortos existem nos desastres naturais e eu como é natural não tenho de levar com isso, primeiro porque não sou da cnn, segundo porque não sou meteorologista e terceiro porque não sou grande apreciador de espargos

com isto tudo acabei por não referir quantos foram aqueles que não resistiram ao furacão katrina, foram sete ou oito... sete ou oito membros da al-qaeda não resistiram à euforia e abriram aquela garrafa de moet chandom que estava reservada para o dia em que o sporting conseguisse vencer o nacional na choupana... descobri por outro lado, a título de curiosidade que o treinador do benfica ronald koeman tem o seu quê de terrorista bem como de furacão katrina, se por um lado utiliza as mesmas tácticas suicidas da al-qaeda que encontrou por acaso no site da organização terrorista julgando ser aquilo um clube de futebol futurista do médio oriente, por outro o clube da luz joga tal como um furacão, ou seja, um desastre natural

houve em portugal quem contestasse o nome atribuido ao furacão que devastou nova orleães... fernando couto foi uma das vozes dissonantes "chamaram-lhe katrina porquê? porque fodeu não sei quantos americanos? para isso tinham-lhe chamado paula porque ela no estágio da selecção bem que nos fo..." depois levou um biqueiro na canela do vitor baía que acrescentou "...bem que nos fo...mentou a vontade de vencer... a paula era a psicóloga da equipa, não era ó palhaço?", "sim sim, a puta era psicóloga é isso... boa vitor, boa..." finalizou o couto... quem achou aquela conversa toda muito estranha foi o tino de rans que expressou a sua opinião com um enorme grunhido

a mãe de george w bush disse para o mundo ouvir que muitos dos desalojados que tudo perderam e que se encontram amontoados nos centros de ajuda humanitária estão agora em melhores condições de vida do que antes do katrina, isto por serem indivíduos socialmente desfavorecidos (isto é verdade)... o invisual presidente da comissão dos desalojados referiu após longa conversa com a senhora "foi um enorme prazer falar consigo, hoje nem parecia a senhora, estava expedita, agradável e invulgarmente inteligente" segundos após o porteiro anunciou a chegada da senhora bush e afastou o invisual do papagaio...

mais recentemente chegou às terras do tio sam um outro furacão, o rita... mas relativamente ao seu antecessor katrina é pequenito e fracote... é no fundo o marques mendes dos furacões, a única diferença é que o furacão tem mais auto-estima do que o diminuto presidente do psd... tem contudo menos força do que a odete santos que no braço de ferro bateu o furacão em três partidas pelos parciais de 6-3, 4-6 e 7-6 respectivamente, o furacão saiu da sala piurço e foi devastar países carenciados para se vingar...

o grande problema dos furacões é que são um monte de miudos mimados que nunca arrumam as coisas... podem sim senhor brincar com os edifícios, com os camiões tir, com o sexo de um ou outro africano ou com o nariz do cavaco silva mas pelo menos arrumem tudo antes de irem jantar, mas não senhor, a mãe furacona chama os furacões para comer e eles deixam tudo espalhado ou quando arrumam é de tal forma à pressa que no outro dia trocaram a pila de um africano com o nariz do cavaco silva o que foi um enorme berbicacho para o senhor aníbal que apareceu nas fotos de família com 25 centímetros de pénis negro no lugar do nariz... além disso os furacões deixam os prédios todos amontoados e nem separam as casas dos brancos, pretos, brazucas, chinocas, monhés e ciganos... da última vez que se juntou esta gente toda surgiram os actuais habitantes da costa da caparica, pretos de olhos em bico com sotaque brasileiro que vendem flores com o revólver no bolso... é por isso que devia haver ecopontos para furacões, cada um com a cor da respectiva raça... o dos brasileiros por seu lado distinguia-se pelos buracos de bala e pelo depositório de catanas, o dos monhés por ter um canteiro com flores e o dos ciganos por já não lá estar

ora então um grande bem haja


publicado por Insolente às 15:24
link do post | comentar | favorito

24 comentários:
De adryka a 4 de Outubro de 2005 às 17:48
Beijinhos mas nâo insulentes, mas sim carinhosos.


De Joana a 4 de Outubro de 2005 às 17:47
so pra deixar bem klaro que a descrição dos habitantes da cidade da costa de caparica nao corresponde de todo a realidade vivida. e tenho dito. insolente que saudades pah :')


De xanapinto a 3 de Outubro de 2005 às 01:36
pah..vou meter 1 cunha aos gajos k baptizam os furacoes, para haver um "furacao xana". n sei o k é k a katrina e a rita têm a mais do k eu!


De carla a 30 de Setembro de 2005 às 16:05
olaaa
...marques mendes dos furacões ehheheh excelente :O)

bom fim de semana.
bjinho


De Elise a 29 de Setembro de 2005 às 12:35
lolll, aquela do "marques mendes dos furacões" quase que me deitou ao chão... rofl.


De Ana a 29 de Setembro de 2005 às 11:35
Excuse me... "a mãe furacona"? Acho que dava para escreveres um post só à volta desta frase LOLLLLLLLL. Um abraço:D


De alfa69 a 28 de Setembro de 2005 às 21:45
E só de pensar que foi por causa de uma borboleta bater as asas na Asia que nasceu a Katrina, será que se um gaijo der um peido aqui em Portugal provoca um furacão na China? Se a malta dos texteis sabe disso, é só comer feijão.


De inconfidente a 28 de Setembro de 2005 às 08:57
Ora aí está uma dissertação e peras. Gostei! lol


De Betty Branco Martins a 27 de Setembro de 2005 às 19:53
Comecei por rir (com gosto) ao ler o post que escreveste no "Fragmentos". Agora chego aqui, a insolência chove, mas chove de uma forma delirante!!! é impossível resistir! o riso é rei contigo.

Parabéns! Conseguir escrever de uma forma "brejeira" sem ser vulgar, não é fácil ou seja: não é para todos! E tu escreves muito bem.


Um beijo grande


De Phunkie Star a 27 de Setembro de 2005 às 16:19
A pergunta surgiu-me com naturalidade: O que é que acontece se os furacões forem todos parar ao mesmo ecoponto?! O_o Dá-se um Chernobyl, parte II... Digo eu! Ou talvez não... É uma coisa para eu ir pensando. Beijokas!


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


posts recentes

Estou de volta... noutro ...

FIM

o oceano índico tem a man...

terminou o caso mateus, a...

luta de boxers

o tuga é algo otário

jorge coroado, mestre da ...

mundial da prostituição

as crianças e os mosquito...

o código da mariquice

arquivos

Setembro 2007

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

links
blogs SAPO
subscrever feeds