Ora Então Um Grande Bem Haja ... oprazerdainsolencia@sapo.pt
Terça-feira, 24 de Maio de 2005
benfica campeão
não se fala de outra coisa na televisão... a queda de um pinheiro em armação de pêra aleijou um pato... este teve de ser operado de urgência no hospital são josé mas já se encontra de perfeita saúde... seria esta a notícia da semana não fosse o acaso tecê-las e oferecer o título ao benfica... para mim ver o benfica campeão é um bocado como soltar uma gargalhada durantes 'os malucos do riso'... é muito raro mas as vezes acontece... o benfica vence seja o que for e tudo o que é meio de comunicação fica imediatamente entupido com notícias relacionadas com o feito... pergunto a mim mesmo onde está um atentado terrorista de dimensões nunca vistas na embaixada da onu quando realmente precisamos dele? a al-qaeda até tinha agendados uma série de atentados nas principais capitais do mundo contudo esta semana os serviços administrativos e a brigada de choque da organização terrorista estiveram a receber uma acção de formação por parte da claque portista 'super dragões' pelo que adiaram todas as festividades... bin laden já comentou "nunca pensei que se pudesse fazer tanto só com meia dúzia de paus e mocas munidas de pregos nas suas extremidades... é óptimo para o orçamento"... resta dizer que nas palestras "a importância do cotovelo" e "como derrubar um império com a peitaça", os oradores de serviço foram o mccarty e o jorge costa respectivamente

muito importante para a caminhada bem sucedida do benfica foi o mantorras... felizmente que o luis filipe vieira se lembrou de dizer ao angolano que se marcasse muitos golos decisivos receberia a dobrar no final do mês... o menino de angola reagiu de imediato "xi patrão, dois banana por mês patrão? patrão é um grande patrão, patrão... ô patrão, mantorras prometer marcar golos patrão e não comer mais nem filha nem mulher do patrão, patrão... xi patrão dois banana por mês patrão, qui patrão bondoso patrão"... fiquei muito feliz em especial pelo bruno aguiar que finalmente conseguiu dar uma entrevista e provar à mãe que joga mesmo no benfica... a mãe via o filho sair de casa todos os dias com o miguel e pensava que ele andava a roubar carros em chelas... como é que acham que o miguel consegue fazer o flanco direito inteiro durante todo o jogo? há sempre um gajo na linha lateral a dizer "ó miguel olh'á bófia caralho" e o instinto natural é começar a correr

entretanto a massa adepta encarnada adormecida voltou dos buraquinhos onde tinham estado a matar tempo... vi benfiquistas saltarem de tampas de esgoto, debaixo de automóveis, até mesmo do espaço existente entre as pedras da calçada, alguns milhares sairam de trás do fernando mendes... só em minha casa apareceram oito do buraco da fechadura, três da minha caneca do homer simpson, sete foram regurgitados pelo meu gato e ainda encontrei um entalado entre as páginas onze e doze do livro "babar foi ao circo"... esperem acabou de sair um benfiquista debaixo da minha cama e mais quatro do meu bolso... arriscarei dizer que existem quase tantos portugueses como benfiquistas

sinto-me na obrigação de explicar aos desaparecidos o que se tem passado por cá durante os chamados "anos de angústia"... morreram o pápa e o feher, ah é verdade vocês não chegaram a conhecer o pápa... mas alegrem-se, se forem do montijo agora têm uma ponte nova só para vocês... entretanto na inglaterra aconteceu a revolução industrial, o comunismo caiu aos pés do capitalismo e a urss desmantelou-se, a alemanha perdeu a guerra, as duas... ah e portugal agora é uma república... nada de especial... agora a sério, o clinton andou metido com a secretária, o zé maria ganhou o big brother, o son goku venceu o satan na final do campeonato do mundo de artes marciais, o sistema operativo 'ms-dos' caiu em desuso e já agora, não tentem comprar tabaco com as moedas que têm nos bolos porque entretanto alguem decidiu muda-las a todas... sim, ainda existem os livros da isabel alçada e a tabuada do ratinho...

arrisco dizer que o peso combinado da população portuguesa aumentou consideravelmente... isto porque terminou o jejum... a simara já disse "acabou o jejum? merda p'ra isto pá, logo agora que eu tinha perdido dezanove toneladas e quase já conseguia entrar no estádio da luz sem que as pessoas gritassem 'salve-se quem puder, protejam as mulheres, as crianças e a águia'"... no outro dia uma criança estava a picá-la com um alfinete e a mãe do menino disse "menino não piques, isto grande é a simara e não um balão de dimensões dantescas"... nem sei a que propósito me deu para gozar com a simara... força do hábito

ora então um grande bem haja


publicado por Insolente às 21:33
link do post | comentar | ver comentários (19) | favorito
|

Terça-feira, 17 de Maio de 2005
ora penso ora mato gente
eu as vezes penso... custa um bocadinho mas no fundo pensar é como apanhar uma granda tosga, faz doer a cabeça mas acaba por ser divertido e acabamos quase sempre por repetir, não quer com isto dizer que pensar seja divertido... que o diga o george bush, sempre que fala comprime o cérebro de tal forma de modo a unir os doze neurónios que acaba por perder os sentidos... ou o quaresma que apenas para responder a um simples "bom dia" entra em combustão espontânea, ele que no outro dia até conjugou um verbo quando disse "vamos ser campeões"... claro que o que ele queria mesmo dizer era "tenho fominha" mas confundiu as palavras e saiu-lhe aquilo... já não foi mau

pensar pode contudo ter efeitos auto-destrutivos como é o caso dos bombistas suicidas quando pensam "tu queres ver que eu me meto ali na iveco carregada de explosivos e vou contra a embaixada dos estados unidos?"... é um excelente exemplo de alguem que para sobreviver bastaria somente não pensar, é por isso que os vegetais e os frutos não se suicidam, mesmo quando caem de uma árvore nunca é por iniciativa própria... por outro lado para algumas pessoas a capacidade de pensar é vital... por exemplo o príncipe carlos vive a pensar que os filhos dele são mesmo dele...

concluí que a velhice é hereditária... se o meu bisavô envelheceu, o meu avô envelheceu, o meu pai envelheceu e eu envelheço, então a velhice é hereditária... não me parece que seja tudo só uma grande coincidência... aliás não conheço nenhuma pessoa que envelheça cujos parentes directos não envelheçam também... para sustentar a minha teoria preciso agora de encontrar alguem que não envelheça e ver se os seus filhos envelhecem ou não... depois colocam-se dúvidas, se os filhos não envelhecerem nunca passarão de bebés? ou estancam a determinada idade? e se sim, a que idade isso aconteceria? é por isso que preciso de fazer experiências... tenho de fazer amor com mulheres que não envelheçam (alexandra lencastre) e constatar se os nossos filhos envelhecem ou não... sei que pode não resultar à primeira porque as crianças podem sair ao pai, mas eu estou disposto a tentar várias vezes até resultar e nunca desistirei nem que para isso tenha de comer a alexandra lencastre vezes sem conta para o resto da vida... é um sacrifício que estou na condição de fazer pela ciência... xaninha se leres isto dá uma apitadela se faz favor... não o faças por mim... fá-lo pela humanidade...

mas ainda pensei mais... a eutanásia é má... eutanásia é por definição o acto que consiste em retirar a vida a alguem que esteja a sofrer, certo? no outro dia um amigo meu sentiu-se mal então eu matei-o, estava a vomitar e tudo o desgraçado, fiz o que tinha a fazer e dei-lhe uma machadada na clavícula... foram duas pronto, ninguem morre à primeira só com uma machadada na clavícula... estava connosco uma colega nossa que me disse "metes-me nojo" então eu matei-a porque ela estava muito incomodada e alem disso sem cabeça as mulheres queixam-se muito menos... depois fui ao funeral dela e matei aquela gente toda porque era notório pelas caras deles que sofriam imenso... quem me agradeceu foi a funerária local e o cangalheiro até me disse com uma lágrima no canto do olho "estou tão contente que era capaz de beijá-lo" então matei-o... não que estivesse a sofrer mas porque era paneleiro... fui a tribunal acusado de homicídio mas no final acabei ilibado porque toda a gente sabe que matar paneleiros é como matar pretos... não faz mal...

fui a um concerto da dulce pontes e matei-a... depois um senhor disse-me "pelo menos deixavas a miuda acabar de cantar"... quem diria que aquilo não era apenas uma grande dor de estômago... desculpa lá ó dulce, pensei que estavas à rasca...
a caminho de casa ainda matei um mendigo cuja unha do dedo grande do pé direito estava encravada e com uma cor assim a atirar para o roxo... estava frio então matei uma senhora nua que vim a saber mais tarde tratar-se da fátima lopes e como fiquei aborrecido matei um cigano... já em casa a minha mãe disse-me "ai filho..." e eu matei-a por antecipação e como estamos na primavera matei o meu pai que é alérgico ao pólen e nesta altura espirra que se farta... às tantas deu-se-me a fome e suicidei-me

já morto vos peço que matem um sportinguista (eles andam a sofer) e deixo-vos com um último pensamento... "as opiniões são como as pilas, quem as tem tem, quem não tem usa as dos outros"

ora então um grande bem haja


publicado por Insolente às 20:24
link do post | comentar | ver comentários (20) | favorito
|

Quarta-feira, 11 de Maio de 2005
a louca
no sentido de manter o bom nome da pessoa em causa, este texto não irá revelar a identidade da referida louca... nesse sentido vou utilizar um nome fictício que ilustre a personagem... peço compreensão... (o nome estará entre aspas)

a "alexandra solnado" é uma menina "especial" que vive num sítio "especial" onde muitos meninos e meninas "especiais" convivem alegremente... a "alexandra solnado" é um bocadinho distraída e as vezes engana-se e desata a correr violentamente contra as paredes... felizmente o seu quarto almofadado absorve grande parte do impacto... a "alexandra" fica muito triste e diz "tenho de sair daqui para salvar o coelhinho da páscoa antes que as abelhinhas más o transformem em mel" mas depois adormece assim que as senhoras lhe enfiam amavelmente duas embalagens de xanax pela goela abaixo... normalmente não são necessários dardos tranquilizantes, só mesmo quando a "alexandra" diz que o sol está a queimar muito nos olhos... até hoje ninguem descobriu onde é que ela arranja os isqueiros...

eu acho mal que se diga que a "alexandra solnado" é louca... nadar até ao fundo do tejo à procura do submarino do capitão iglo não faz dela necessariamente maluca... ela até se dá bem com a maioria das pessoas, só não gosta mesmo é da senhora que lhe escolhe as camisas, diz que depois de vestir a roupa "especial" não consegue mexer os braços e fica o dia todo com muita comixão nos espaços entre os dedos dos pés, nas virilhas e na nuca... para evitar a comixão trincava as lâmpadas do candeeiro e atirava-se de cabeça contra a esquina da mesa com força... ainda bem para a "alexandra" que alguem se lembrou de lhe oferecer um açaime e um capacete "especial", é que dantes a "alexandra" acabava sempre a dizer que "o polvo é um testículo porque não tem espinhas nem peixe" e então tinha de levar com os dardos

uma vez em criança a "alexandra" estava a brincar com um black and decker e o pai até lhe disse "vá alexandra, o papá já disse que isso aleija, ou desligas o berbequim ou o tiras do meu ouvido" ela continuou e o raul disse "ó filha vai chatear o camões"... e ela foi, mas às tantas o camões já não a podia ouvir e disse "miuda vai antes chatear o julio iglesias", lá foi a "alexandra" chatear o julio iglesias, bateu à porta mas ninguem respondeu, ela entrou e encontrou o julio no quarto com três empregadas imigrantes de leste e duas nigerianas e ouviu o julio dizer "chavala não estás a ver que estou a tentar bater o recorde do mundo de filhos ilegítimos? já só me faltam nove para igualar o mick jagger, vai chatear o senhor humberto da padaria"... o senhor humberto da padaria estava ocupado a bater num anão que tinha guardado num armário mas ainda falou com ela...

senhor humberto - tas aqui a fazer o quê? vai chatear o camões pá...
alexandra - já fui chatear o camões senhor humberto
senhor humberto - então vai chatear o júlio iglesias
alexandra - tambem já chateei o senhor júlio, senhor humberto
senhor humberto - ah tá bem... a seguir sou eu tens razão... mas olha agora não me dá jeito nenhum porque estou a maltratar um anão... vai chatear o mourinho... espera o mourinho não... chateia antes o filho dele que é mais seguro, vais ao céu e pedes para falar com jesus cristo...

e foi assim que finalmente a "alexandra" encontrou alguem para chatear... como jesus tem muito tempo livre, acabou por entrar na brincadeira com a miuda, agora arrepende-se... jesus desabafa comigo de vez em quando... "ó Insolente a miuda é chata todos os dias, só quer saber aquelas tretas do céu e não sei quê depois da morte e tal... porra tou farto dessa conversa... eu quero é saber se o papá já foi campeão mas ela diz que não vê o campeonato inglês... raio da miuda pá...

eu estou em crer que cristo não sabe que a "alexandra" anda a publicar as conversinhas que andam a ter... pelo menos a julgar pelo último diálogo:

jesus - oi linda... como é que estás vestida?
alexandra - tou com um top... já agora quando é que o mundo acaba?
jesus - acaba daqui a nada se não despires esse top... gostas de brinquedos?
alexandra - de brinquedos? sim, tenho uma barbie
jesus - queres que seja o teu action man?
alexandra - existe vida depois da morte?
jesus - que é que essa merda interessa agora caralho?
alexandra - posso meter as asneiras no livro?
jesus - qual livro caralho?
alexandra - aquele com as nossas conversas... já te tinha dito
jesus - já me tinhas dito é o caralho... foda-se qué que tu andas a fazer chavala... parto-te a boca toda caralho... foda-se já perdi a tesão... põe-te nas putas
alexandra - tou? tou? jesus tás aí? deste um erro gramatical... tou?

ora então um grande bem haja


publicado por Insolente às 22:15
link do post | comentar | ver comentários (22) | favorito
|

Quinta-feira, 5 de Maio de 2005
o pneu em sociedade
hoje é daqueles dias que pronto... se por um lado a campanha de verão da triumph me suscita uma enorme vontade de masturbação, por outro penso imediatamente no camilo de oliveira e passa-me... é verdade, o nosso camilo venceu em monte carlo o prémio de melhor actor cómico da via lactea ou coisa assim... se bem que o seu concorrente directo era uma taça de gelatina royal qua ainda por cima estava mal batida... de qualquer forma a fasquia está agora demasiado alta para mim... sempre que eu pense que acabei de escrever um enorme disparate, irei desde logo lembrar-me que o melhor actro cómico do universo é o camilo de oliveira e vou sentir-me diminuído... daqui a nada estão a dizer-me que a margarida rebelo pinto é escritora não? ou que os diapasão são um grupo musical, que o santana lopes é político, que o pinilla é goleador, que o manuel luis goucha não gosta de mulheres e que o nuno eiró é um palerma... era só o que faltava

no outro dia (e isto vem a propósito) estava eu na rua augusta a dar informações a um hipopótamo amarelo original da nova zelândia que não sabia ir ter à praça do comércio quando esbarra contra mim um pneu... então eu disse "olá pneu" ao que ele responde "olá pneu? então mas eu conheço-te de algum lado? para ti sou senhor pneumático se faz favor"

estava meio mal disposto mas eu compreendo a situação do pneu... não era um pneu vulgar, não se pense que vinha de uma piagio ou de uma famel... não senhor, aquilo era um pneu de um catterpilar que havia ficado sem emprego após a construção dos estádios do euro 2004... como é grande e forte ainda se safa a servir de apoio nas atracagens laterais dos cacilheiros, mas o mercado de trabalho anda difícil para os pneus portugueses... às tantas também se ouvem histórias de sucesso, como aquele pneu que faz parte do trem de aterragem de um avião da lufthansa e outro que trabalha no carro-maca do real madrid... contudo, regra geral em portugal o pneu vive uma situação desesperante, não têm sequer direito ao subsídio de desemprego e em caso de furo não recebem pensões por invalidez... muitos deles acabam não poucas as vezes forçados a trabalhar para lá dos anos de reforma em carrinhos de compras do feira nova ou do pingo doce, ou até a fazer anúncios para a ok teleseguro... outro dos flagelos é o trabalho infantil... é verdade, a playmobil emprega milhares de crianças-pneu nas suas ambulâncias e carros de bombeiros e justifica-se dizendo "já não tínhamos mais anões"

devo muito aos pneus ao longo da minha vida... a um em especial, era um pneu velho e gasto da minha bmx... experiente e remendado, e ao contrário da minha ignorância infantil, ele era já um conhecedor da vida e ensinou-me a palavra "evento" que nunca esquecerei... foi assim:
pneu - diz-me como está o tempo hoje criança ignorante
Insolente - olha está a chover
pneu - então e mais?
Insolente - evento

tive também em tempos um pneu que era um grande mentiroso... só porque era suplente andou a espalhar o boato que eu não sabia fazer o ponto de embraiagem, a coisa espalhou-se e passados uns dias todos os componentes do meu carro andavam a gozar comigo... ainda por cima eu ficava nervoso e deixava o carro ir abaixo... durante quase dois meses sempre que o carro ía abaixo o meu autorádio sintonizava a rádio renascença onde se ouvia o padre vitor melícias a rezar o terço e logo a seguir passava a música "jesus cristo eu estou aqui" e desatavam todos a rir à parva... para me vingar vendi o carro a um bate chapas deficiente mental

a falta de pneus é prejudicial à saúde humana, que o diga o ayrton senna... as suas últimas palavras no momento em que se dirigia a cerca de 230 km/h em direcção ao empedrado foram as seguintes "que chatice aquele muro não ter um conjunto de pneus à frente que pudesse minimizar o impacto... é que se tivesse não doía tanto e possivelmente o meu cérebro não se espalharia pela pista e as gaivotas não o comeriam... é que o cérebro humano faz mal às gaivotas e pode provocar cancro no bico... alem disso eu gosto de gaivotas e de codornizes, lembro-me quando era novo de ir às codornizes com o meu pai, e à pesca também, mas nós nunca pescávamos nada e passávamos sempre na senhora gertrudes da peixaria antes do almoço para comprar um peixe-espada e dizíamos à minha mãe que tinha sido eu a pescá-lo... era extremamente divertido... o muro está cada vez mais próximo e eu tenho uma estranha comixão num testículo, vou então coçá-lo" e depois morreu...

o pneu tem muitos inimigos... o cocó no chão é um deles, a maioria dos cocós no chão são do francisco louçã que afirma que "as casas de banho são apenas mais uma forma do homem capitalista vingar sobre a natureza" e então caga no chão... mas o pior inimigo do pneu é sem dúvida o homem-óleo... o homem-óleo é o vilão que quer dominar o mundo espalhando óleo nas estradas de modo a criar o caos na terra... felizmente para o nosso planeta existe o super-pneu que bate no homem-óleo

ora então um grande bem haja


publicado por Insolente às 22:52
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


posts recentes

Estou de volta... noutro ...

FIM

o oceano índico tem a man...

terminou o caso mateus, a...

luta de boxers

o tuga é algo otário

jorge coroado, mestre da ...

mundial da prostituição

as crianças e os mosquito...

o código da mariquice

arquivos

Setembro 2007

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds