Ora Então Um Grande Bem Haja ... oprazerdainsolencia@sapo.pt
Sexta-feira, 26 de Novembro de 2004
o Insolente as mulheres e a teoria
isto é muito simples... as mulheres querem-se é a falar pelos cotovelos. nao me venham com balelas (palavra adoravel esta) dizer que as mulheres falam muito e tal ai não sei quê que xatice...
não é nada uma xatice...não é a sério...porra tou te a dizer que não é... ...é um bocadinho vá lá...torna-se xato as vezes...inclusivamente cansativo...desagradável até...pronto são xatas cumá putaça.
mas calma...o mundo não desaba por isso...vamos antes analisar

provavelmente o vosso computador neste preciso momento estará a emitir um som próprio...um ruído vá lá ao qual tu provavelmente nem estás a prestar atenção. nunca te aconteceu por exemplo, estares num pára-arranca constante no garrafão da ponte 25 de abril? o vosso carro faz um som incomodativo...um ronronar de fundo que leva qualquer um ao desespero,mas nunca ninguem fala disso...ah pois é.

as mulheres sao máquinas como quaisquer outras...e como tal possuem um ruído próprio. eu não vejo ninguem a vir ter comigo dizer "ó insolente tou pior que *utas *aralho, o *abrão do meu computador faz um cagaçal de todo o tamanho pah...*ODA-SE" nunca tal coisa me aconteceu, pelo contrario diariamente oiço historias relacionadas c mulheres que falam de mais.
É MESMO ASSIM...habituem-se ao ruído e sejam felizes...é o preço a pagar por uma cama bem feita e um bacalhau com natas com mais bacalhau que natas (sim, isso é possivel)

aliás...queres mesmo uma mulher que não fale?? o facto de não falar muito nao significa que n seja comunicativa (faz parte da condiçao feminina n ha volta a dar). só que nesse caso vais ser tu quem tem de falar...e quem diz falar diz mesmo falar...e falar...falar mais um bocadito...continuar a falar...falar mesmo quando pensas que já nao precisas de falar...e quando parares de falar...medo...a mulher...vai dizer que tu n lhe ligas nehuma...vai chorar...vai pra casa dos pais (pior...leva a box da tv cabo c ela porque sabe que assim darás por falta dela)...faz beicinho...faz apenas um prato ao jantar obrigando-te a recorrer aos ovos mexidos...
cuidado por favor, elas sao mesmo perigosas...andam com um baton para o cieiro na mala e nao têm medo de o usar.

por isso segue o conselho do Insolente...o Insolente sabe e é amigo. se a tua miuda fala tanto que preferes assistir a um concerto do padre borga a passar o serão com ela...ama-a mesmo assim...e poderás dizer adeus aos ovos escalfados e ás transmissoes do benfica - Porto em emissao codificada.

va...bebe uma jola e pensa nisso

ora então um grande bem haja


publicado por Insolente às 00:57
link do post | comentar | favorito
|

3 comentários:
De XaRinHa a 28 de Novembro de 2004 às 04:55
toda a gente sabe que é assim, a mulher fala que se desunha (de onde veio esta palavra gostava eu muito de saber.. e se calhar,pensando bem, nem por isso) e o homem calado que nem um monge, vidrado na sportv ou em qq outra coisa sem ser a gajita. Não vos censuro por tal, há por aí tanta rapariga chata que não tem noção de que a partir da vigésima palavra pronunciada, o receptor da suposta mensagem enviada, desliga automaticamente (dizer vigésima se calhar é ser ingénua demais). Mas assim é que deve ser, a gaja fala e manda e o homem faz orelhas moucas e acata com a ordem dada (a bem ou a mal, sim porque há estratégias, há manhas que só uma mulher sabe como utilizar). E com isto alonguei-me demasiado e dei um bom exemplo do quanto as gajas falam falam e nada de jeito dizem.
[Optimo post by the way =)]
Beijinhos ****


De Tozinho a 27 de Novembro de 2004 às 16:22
Eu sou daqueles que gosta delas bem calminhas, para aturarem os meus desvaneios. Embora que, essa tarefa de encontrar uma assim, é tão ou mais complicada que a "Demanda pelo Santo Gral", os podres dos Templários sabem disso muito bem...
Resumindo, caladinhas e quentinhas é disso que eu gosto...


De Bianka a 26 de Novembro de 2004 às 01:02
Meu anjo, podia me tornar aki uma moralista e uma feminista, mas nada disso, conheço mta gaja e nesse aspecto concordo contigo, se bem k tens de admitir k fora as conversas de merda as gajas so palrreiam pelo bem d kem as ouve palrrear.Pra que é que serviriam as mães se ñ tivessemos de ouvir um ocasional palrreio por parte delas? pensa nisso insolente (diogo, olha que foda-se) Confesso que por vezes consigo deixar de ser gaja por um bocadinho e fartar me de outras gajas a falar pra mim pelo conteudo futil e repetitivo que conseguem inserir no diálogo, mas não dispenso um bom corte e costura porque como qualquer bom portuga IGNORANTE como diria o stor de História dos Media, se a nossa vida ñ tem nada de interessante porque não metermo-nos na vida dos outros? Ora toma!


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Setembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


posts recentes

Estou de volta... noutro ...

FIM

o oceano índico tem a man...

terminou o caso mateus, a...

luta de boxers

o tuga é algo otário

jorge coroado, mestre da ...

mundial da prostituição

as crianças e os mosquito...

o código da mariquice

arquivos

Setembro 2007

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

links
Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds